Esse garoto pedia esmola no sinal e começou a chorar quando um carro parou

O relato a seguir, tem o Quênia como cenário. Infelizmente, o país africano é conhecido pela pobreza e dificuldades enfrentadas pelo seu povo.

O nosso protagonista é um jovem menino que precisa pedir esmola para sobreviver.

Não pense que ele é um caso raro, muito pelo contrário, é bem comum essa atividade pelas ruas dessa nação.

Entenda o caso

O garoto que se chama Hugo Thuo, tinha saído para fazer o que sempre fazia: pedir dinheiro para carros que passassem pelas ruas. Entretanto, mal sabia ele que haveria uma mudança drástica em sua vida nesse dia.

menino pedindo esmola

O local ideal para pedir essas esmolas, é nos semáforos, pois os carros costumam parar e dar mais atenção.

Foi nessa situação que Hugo conheceu Kamande.

Quando ela parou o carro e abaixou os vidros, o garoto se deparou com diversos aparelhos plugados nela. Se tratava de um tanque de oxigênio e um gerador.

Nunca tendo visto nada igual, ele começou a chorar muito.

menino pedindo esmola

Kamande passava por certos problemas na saúde. Ela teve um colapso pulmonar que sempre a deixava com falta de ar, por esse motivo fazia uso dos aparelhos.

O menino chorando, perguntou o que tinha acontecido e ela lhe contou sua história. Explicou que já havia passado por mais de 12 procedimentos cirúrgicos e tinha muitos outros problemas.

Sem conseguir se conter, Hugo abraçou-a e perguntou o que ele poderia fazer para ajudá-la.

Mesmo levando uma vida na miséria, a jovem criança de apenas 10 anos, enxergou que muitos passavam por dificuldades bem maiores que as dele.

Kamande propôs que os dois orassem juntos, um pela vida do outro e assim fizeram.

O belo desfecho

Pessoas que passavam pelo local, presenciaram tudo e um homem que era jornalista fez questão de fotografar e divulgar a história que logo viralizou.

O resultado foi a criação de uma campanha para arrecadar dinheiro que possibilitasse o tratamento de Kamande. A quantia foi logo atingida.

Tocada por tudo e com muito amor ao garoto, a mulher resolveu adotá-lo.

Hoje em dia, os dois não se desgrudam e são um belo exemplo de mãe e filho!

Gostou da história deles? Compartilhe!